Você sabe o que é SQF – Síndrome da Quilomicronemia Familiar?

ALIMENTOS A SEREM EVITADOS

A falta da enzima lipoproteína lipase (LPL), ou mesmo uma falha de outra proteína que impacte na atividade da LPL em indivíduos com Síndrome da Quilomicronemia Familiar (SQF) impede que os triglicerídeos sejam quebrados, elevando significativamente a sua concentração no sangue, representando risco à saúde.1

Por este motivo, o consumo de gorduras, tanto de origem vegetal como animal, deve ser mínimo, pois independentemente da sua origem, contribuem com a elevação dos triglicerídeos no sangue. Assim, pessoas com SQF devem consumir entre 10-20g de gordura por dia, limite que será definido juntamente com um nutricionista.2

As principais fontes alimentares de gorduras vegetais são os óleos (soja, milho, oliva, canola, coco, palma etc.), abacate, coco e frutas oleaginosas (amendoim, nozes, pistache, castanhas, macadâmia, avelã, linhaça, amêndoa). Já as gorduras animais são encontradas em carnes (especialmente vermelha), carnes processadas (salsicha, linguiça, mortadela, presunto, 

salame, hambúrguer), leite e derivados, como coalhadas, iogurte, creme de leite e manteiga. Essas gorduras animais são saturadas, elevando ainda mais os triglicerídeos do sangue.3

Alimentos industrializados também são fontes importantes de gorduras, tanto de origem animal como vegetal, e devem ser retirados da dieta de pessoas com SQF. Assim, alimentos como biscoitos recheados, sorvetes cremosos, comidas congeladas e chocolates devem ser excluídos da dieta.O indivíduo com SQF pode levar uma vida normal, mas sempre tomando cuidados com a alimentação.4

Após a confirmação do diagnóstico por um médico, o paciente deve ser encaminhado a um nutricionista, que realizará a orientação alimentar adequada, individualizada e que atenda aos critérios quanto ao limite de gorduras na dieta. O nutricionista também indicará a necessidade de suplementação de determinadas vitaminas, minerais e ácidos graxos essenciais.4

Mas, afinal, quais alimentos devem ser evitados caso você tenha SQF?

CARNE VERMELHA

As carnes vermelhas são ricas em gordura e possuem alto teor de ácidos graxos saturados, que elevam ainda mais os triglicerídeos no sangue.5 Uma alternativa é o consumo de frango (sem pele), peixe e ovos6.

LEITES, QUEIJOS, IOGURTES E DERIVADOS INTEGRAIS OU SEMI-DESNATADOS

O consumo de leite, iogurte e coalhada deve ser somente na forma totalmente desnatada. Quanto aos queijos, quase todos os tipos são muito ricos em gorduras e assim como as carnes vermelhas, também são ricos em ácidos graxos saturados. Uma opção pode ser o consumo de ricota desnatada.5,6

FRITURAS

A fritura de imersão agrega grande quantidade de gordura aos alimentos. Desta forma, o paciente com SQF deve evitar este tipo de preparo para batata, frango, pastel, bife, coxinha, hambúrguer, kibe, entre outros. É preferível o consumo de alimentos grelhados, assados ou cozidos.5,7

PIPOCA DE MICRO-ONDAS

A pipoca industrializada possui grande quantidade de gordura. Para evitar, você pode utilizar milho de pipoca e misturar sal, orégano ou manjericão e prepará-la na panela ou no micro-ondas com água.6,8,9

ÓLEO, AZEITE E MANTEIGA

Evite adicionar gorduras às receitas. Cozinhe com água, alho, cebola e especiarias. Deixe a sua porção diária de gordura reservada para as que estão naturalmente presentes em alguns alimentos que farão parte de seu plano alimentar, como as fontes proteicas. No caso da manteiga, você pode substituí-la por ricota desnatada ou queijo.7

BISCOITOS RECHEADOS

Biscoitos recheados são muito ricos em gorduras e, além disso, podem ser fonte de ácidos graxos trans e óleo de palma, gorduras que você não deve consumir. Uma boa alternativa para os lanches são chips de tubérculos assados ou biscoitos integrais caseiros. Você pode buscar receitas e fazê-los facilmente em casa.6,10

SALGADINHOS

Além de serem pobres em micronutrientes, os salgadinhos de pacote são preparados com muita gordura e não devem ser consumidos.11

MACARRÃO INSTANTÂNEO

O macarrão instantâneo apresenta alto teor de gordura, pois já foi frito, e por isso fica pronto mais rápido.12

COMIDAS INDUSTRIALIZADAS E PIZZA

Comidas industrializadas semiprontas ou congeladas, como lasanhas, são preparadas com grande quantidade de gordura, por isso devem ser evitadas.13 Já as pizzas também são produzidas com muito queijo e óleo na massa, portanto, também precisam ser retiradas da alimentação de indivíduos com SQF.6

REFERÊNCIAS​

1 Williams L, Rhodes KS, Karmally W, et al. Familial chylomicronemia syndrome: Bringing to life dietary recommendations throughout the life span. J Clin Lipidol. 2018;12(4):908–919.

2 Chyzhyk V, Brown AS. Familial chylomicronemia syndrome: A rare but devastating autosomal recessive disorder characterized by refractory hypertriglyceridemia and recurrent pancreatitis. Trends Cardiovasc Med. 2020;30(2):80–85.

3 Silva DA, Oliveira TV, et al. Análise do consumo de alimentos fonte de gorduras e fatores que influenciam suas escolhas. 2019. Disponível em: http://www3.sp.senac.br/hotsites/blogs/revistacontextos/wp-content/uploads/2019/10/Sessao-introducao-pags-1-a-13.pdf. Acesso em 04 de junho de 2020.

4 Brahm AJ, Hegele RA. Chylomicronaemia—current diagnosis and future therapies. Nat. Rev. Endocrinol. 2015; 11:352-362.

5 Costa AGV, Bressan J, Sabarense CM, et al. Ácidos Graxos Trans: Alimentos e Efeitos na Saúde. ALAN. 2006; 56(1).

6 Focus on what you can eat. Disponível em: https://cdn.fcsfocus.com/wp-content/uploads/2017/12/OnePage_00280-FCSFriendlyFoods_v1_0.pdf. Acesso em 29 de abril de 2020.

7 Reiner Z, Catapano AL, Backer GD, et al. Recomendações da ESC/ EAS para a abordagem clínica das dislipidemias. Rev Port Cardiol. 2013;32(1):81.e1-81.e50.

8 Marinho BOR, Guimarães M, Quintão DF. Composição centesimal do teor de sódio e gorduras em pipocas de micro-ondas comercializadas em uma cidade da Zona da Mata mineira e seus possíveis riscos para a saúde dos consumidores. RCFaminas. 2017;12(1):27-35.

9 Ribeiro JP, Scherr C. O que o cardiologista precisa saber sobre gorduras trans. Arq Bras Cardiol. 2008;90(1).

10 Srebernich SM, Gonçalves GMS, Baggio SR. Perfil de ácidos graxos e teor de ácidos graxos trans em biscoitos recheados sabor chocolate. Rev Ciênc Méd. 2013;22(2):95-103.

11 Lobanco CM. Rotulagem nutricional de alimentos salgados e doces consumidos por crianças e adolescentes. Dissertação do Programa de Pós-Graduação em Saúde Pública – Nutrição – Universidade de São Paulo (Faculdade de Saúde Pública). São Paulo. 2007.

12 Machado TB, Weber ML. Análise do teor de gorduras em alimentos industrializados consumidos pelo público infantil. Revista Life Style. 2016;3(2):43-57.

13 Bleil SI. O padrão alimentar ocidental: considerações sobre a mudança de hábitos no Brasil. Rev Cad Debate. 1998;VI:1-25.